Integrar recursos e ferramentas TIC no processo de ensino e aprendizagem não é tarefa fácil. Por isso,é necessário que os professores estudem bem a sua realidade e adoptem um modelo de integração.
O Conhecimento Tecnológico Pedagógico de Conteúdo TPACK (sigla em inglês para Technological Pedagogical Content Knowledge) é uma metodologia para entender e descrever os tipos de conhecimentos necessários a um professor para a prática pedagógica efetiva em ambientes de aprendizagem equipados com tecnologia.
O conceito de conhecimento pedagógico (PCK) foi descrito pela primeira vez por Lee Shulman (1986) e a metodologia TPACK foi elaborada a partir dessas ideias centrais, com a inclusão da tecnologia.

TPACK pt BR

A metodologia TPACK argumenta que uma integração efetiva da tecnologia no processo de ensino aprendizagem requer entendimento e negociação entre Tecnologia, Pedagogia e Conteúdo.
O professor que for capaz de abordar estes componentes de uma forma integrada, conseguirá uma visão mais ampla do que o conhecimento de um especialista de uma disciplina (por exemplo, um cientista, um músico ou um sociólogo), um especialista de tecnologia (um cientista de computação) ou um especialista em ensino/pedagogia (um educador experiente).
Esta metodologia TPACK salienta as complexas relações que existem entre o conhecimento das áreas de conteúdo, pedagogia e tecnologia e pode ser uma estrutura organizacional útil para definir o que os professores precisam saber para integrar a tecnologia nas suas práticas de maneira efetiva.
Tratando-se de um quadro exigente, esta metodologia está, no entanto, a tornar-se mais popular com um método de organização para programas de desenvolvimento profissional, tecnológico e educacional para professores.

No vídeo que se segue (com subtítulos em espanhol) Judi Harris (College William and Mary, Virginia) resume os princípios fundamentais da metodologia TPACK.

Marcado como: